O problema da baixa auto estima

Olá amores, tudo bem?
Hoje quero conversar com vocês sobre um problema que assombra muitas meninas e meninos, e pode causar sérias consequências para a saúde: a baixa autoestima. Pode até parecer, mas não é apenas uma questão de aceitação, vamos conversar?
Pensar na possibilidade de não se amar, parece cruel, mas é isso o que acontece na vida da maioria das pessoas, sem distinção de sexo e idade. Não é só um defeitinho que não agrada, é se olhar no espelho e vê um monstro, um ser digno de não ser amado ou aceito pelas outras pessoas. Se vê constantemente dessa forma pode causar depressão e afastamento brusco das outras pessoas, piorando cada vez mais a sensação de não ser amado.
Viver em uma sociedade onde se é cobrado o tempo todo, é um fator que faz com que a auto estima caia. Se sentir fracassado, com medo de não dar conta daquilo que te foi passado é um dos piores sentimentos. Lidar com a pressão do dia a dia, dá vontade de desistir e da estagnação contribuem para que tudo se agrave.
Se você vive no meio desse tormento, esse texto é pra você, pois quero te ajudar, te estender uma mão e te dizer que as coisas não são dessa forma.
Ver um defeito na aparência aqui e outro ali, é supernatural. Você não pode é perder tempo ficando encanada com isso. Se algo te incomoda e você pode reverter, vá em frente.
Porém, saiba dos seus limites e se possível com a ajuda e observação de alguém próximo que te conheça bem. Um bom exemplo disso, é a questão da perda de peso.
Se acontece algo na sua vida que está te deixando preocupado ou fazendo com que você se sinta pressionado, reveja e se possível, largue isso. Não estou dizendo para que você desista e abandone o problema e sim que dê um tempo para pensar com mais calma, e ver com mais clareza o que pode ser feito para melhorar. Bater na mesma tecla, não vai te levar a lugar nenhum, então pense bem e veja de que outra forma a situação pode ser contornada. Um exemplo disso, é a frustração quanto as metas.
Sei que colocar isso em prática é bem mais complicado do que está escrito aqui, mas sei, por experiência própria, que não é impossível. Um passo de cada vez, um dia de cada vez, uma vitória a cada dia!
Espero ter sido, com esse texto, uma luz no fim do túnel, uma visão de que é possível acabar com baixa autoestima!
 Beijocas

Posts Relacionados

Deixe seu comentario

Comentarios

Deixe uma resposta